APAESP ABRE 2 NOVAS VAGAS DE TRABALHO


logo apae sp

Olá pessoal,

A APAE SÃO PAULO abriu 2 novas vagas de trabalho.

Para acessarem as informações favor clicar no link abaixo:

APAESP ABRE 2 NOVAS VAGAS DE TRABALHO

Desejamos sorte em sua busca!

====================================

FAÇA A SUA PRÉ-INSCRIÇÃO E GARANTA SUA PARTICIPAÇÃO EM NOSSOS CURSOS!

====================================

 

Anúncios

Nova edição da Oficina de Captação de Recursos via Nota Fiscal Paulista em Agosto


Olá pessoal!

Devido a solicitações de pessoas que não puderam estar presentes na edição anterior devido ao período de férias escolares, o Instituto Sabedoria e a Soul Social se uniram mais uma vez para uma nova OFICINA DE CAPTAÇÃO DE RECURSOS VIA NOTA FISCAL PAULISTA.


Aproveite a promoção para ONGs e suas parceiras. Vagas limitadas a 40 pessoas.

icone parceria SOUL SOCIALnota fiscal paulista
Texto CapRec_NFP


FAÇA A SUA PRÉ-INSCRIÇÃO E GARANTA A SUA PARTICIPAÇÃO!

pré-inscrição

Após a sua pré-inscrição entraremos em contato para as orientações finais para efetuar o pagamento. Você poderá fazer a pré-inscrição através do ícone acima ou em nossa página CONTATO, deixando seus dados para podemos conversar posteriormente.


 INVESTIMENTO

Para este evento o valor único de inscrição é de R$ 150,00

 Promoção especial para ONGs: 2 pessoas pelo valor de 1 inscrição quando forem de uma mesma ONG e suas parceiras.


Texto formas de pagamento IPP

Após o pagamento faremos a emissão da Nota Fiscal ou Recibo.


 Facilitadora: Silvana Santos (Sócia fundadora da Soul Social – Ideias e Projetos)

Silvana Santos é MBA em Gestão de Negócios pela FGV e graduada em Propaganda e Marketing pela UNIP – Universidade Paulista. Possui cursos de Gestão de Projetos Sociais pela UNICAMP e Gestão de Organizações Sociais pela MACKENZIE. Foi responsável pela implementação da operação de arrecadação da Nota Fiscal Paulista na Fundação Jari que hoje arrecada até 500 mil cupons mês. Empreendedora e Consultora com paixão pela Economia Social e Economia Criativa, se dedica aos projetos de captação de recursos para organizações que desejam inovar e se libertar da dependência dos recursos públicos e diversificar mix de receita. Criativa, comunicativa e dinâmica, assumiu a tarefa de auxiliar as organizações a se reinventarem para prosperar no Século XXI.

Cartaz Oficina NFP

Deixe garantida a sua vaga. Faça a PRÉ-INSCRIÇÃO.

Oficina da Série Captação de Recursos via Nota Fiscal Paulista em SP


Olá pessoal, sejam bem vindos ao Programa de Treinamento Instituto Sabedoria!

O Instituto Sabedoria, em parceria com a Soul Social e Igreja Presbiteriana da Penha e apoio da Alavanca Social e Hebron, convidam para:

OFICINA DE CAPTAÇÃO DE RECURSOS VIA NOTA FISCAL PAULISTA 

(Neste link terão acesso à página do evento e todas as informações)

O curso vem com a proposta de mostrar diversas etapas necessárias para que Organizações Sociais possam se habilitar, cadastrar, planejar, promover, controlar, e gerir resultados da campanha de captação de recursos nesta área, e através de teorias, práticas, diálogos e informações será possível o entendimento no momento de realizar esta importante ação.

Convidamos para fazerem a PRE-INSCRIÇÃO que permitirá a sequência de matrícula no evento. Para isso cliquem no link acima ou no ícone abaixo.

pré-inscrição

Após a sua pré-inscrição entraremos em contato para as orientações finais para efetuar o pagamento.


Este mês, neste local, estamos concedendo um valor especial de participação, para este evento imperdível para quem deseja implantar esta importante campanha em sua organização. Valor único – R$ 150,00. Caso sua inscrição esteja entre as 10 primeiras, receberá um desconto de 10%.


Você poderá fazer a pré-inscrição através do link acima ou em nossa página CONTATO, deixando seus dados para podemos conversar posteriormente.


Nos veremos no evento!


Facilitadora: Silvana Santos (Sócia fundadora da Soul Social – Ideias e Projetos)

Silvana Santos é MBA em Gestão de Negócios pela FGV e graduada em Propaganda e Marketing pela UNIP – Universidade Paulista. Possui cursos de Gestão de Projetos Sociais pela UNICAMP e Gestão de Organizações Sociais pela MACKENZIE. Foi responsável pela implementação da operação de arrecadação da Nota Fiscal Paulista na Fundação Jari que hoje arrecada até 500 mil cupons mês. Empreendedora e Consultora com paixão pela Economia Social e Economia Criativa, se dedica aos projetos de captação de recursos para organizações que desejam inovar e se libertar da dependência dos recursos públicos e diversificar mix de receita. Criativa, comunicativa e dinâmica, assumiu a tarefa de auxiliar as organizações a se reinventarem para prosperar no Século XXI.


Cartaz Oficina NFP

Para outros eventos baixe nossa AGENDA DO MÊS DE JULHO

Curso da Série Planejamento e Gestão Social em SP


Olá pessoal, sejam bem vindos ao Programa de Treinamento Instituto Sabedoria

O Instituto Sabedoria, em parceria com a Igreja Presbiteriana da Penha e apoio da Alavanca Social e Hebron, convidam para o curso PLANEJAMENTO E GESTÃO SOCIAL: A ORGANIZAÇÃO PARA O SUCESSO DE ONGs. (neste link terão acesso à página do evento e todas as informações)

O curso vem com a proposta de incentivar ações como pesquisa, preparação, planejamento, organização, gestão, ferramentas para estas atividades e conceitos, através de teorias, práticas, diálogos e informações que permitam o entendimento no momento de realizar o planejamento e gerir tarefas em Organizações Sociais.

Convidamos para fazerem a PRE-INSCRIÇÃO que permitirá a sequência de matrícula no evento. Para isso cliquem no link acima ou no ícone abaixo.

pré-inscrição

Após a sua pré-inscrição entraremos em contato para as orientações finais para efetuar o pagamento.


Este mês, neste local, estamos concedendo 10% de desconto em nossos preços aplicados por lá, passando o valor final para R$ 175,50.


Você poderá fazer a pré-inscrição através do link acima ou em nossa página CONTATO, deixando seus dados para podemos conversar posteriormente.


Nos veremos no evento!


Facilitador: Marcelo Rachid de Paula

Baixe o resumo profissional!


Cartaz Curso Captação _Igreja Prebiteriana_SP_jul16

Para outros eventos baixe nossa AGENDA DO MÊS DE JULHO.

Curso da Série Criação de ONGs e Projetos Sociais em SP


Olá pessoal, sejam bem vindos ao Programa de Treinamento Instituto Sabedoria

O Instituto Sabedoria, em parceria com a Igreja Presbiteriana da Penha e apoio da Alavanca Social e Hebron, convidam para o curso COMO FUNDAR ONGS: ASPECTOS ESTRUTURAIS E LEGALIZAÇÃO. (neste link terão acesso à página do evento e todas as informações)

O curso vem com a proposta de incentivar ações como observação, idealização, criação, planejamento, organização e entendimento através de teorias, práticas, diálogos e informações que permitam o entendimento no momento da criação de uma Organização Social.

Convidamos também para fazerem a PRE-INSCRIÇÃO que permitirá a sequência de matrícula no evento. Para isso cliquem no link acima ou no ícone abaixo.

pré-inscrição

Após a sua pré-inscrição entraremos em contato para as orientações finais para efetuar o pagamento.

Você poderá fazer a pré-inscrição através do link acima ou em nossa página CONTATO, deixando seus dados para podemos conversar posteriormente.


Nos veremos no evento!


Facilitador: Marcelo Rachid de Paula

Baixe o resumo profissional!

Cartaz Como fundar ongs


Para outros eventos baixe nossa AGENDA DO MÊS DE JULHO.

Instituto Sabedoria convida para cursos do Terceiro Setor em SP


Olá pessoal!

Sejam bem vindos ao Programa de Treinamento Instituto Sabedoria.

Estamos passando para convidar a todos para os eventos do Terceiro Setor (cursos) que acontecerão em São Paulo no mês de Julho.

Para poderem acessar a Programação, bem como todas as informações para sua boa participação, veja a seguir os links:


COMO FUNDAR ONGS

PLANEJAMENTO E GESTÃO SOCIAL

OFICINA DE CAPTAÇÃO DE RECURSOS ATRAVÉS DA NOTA FISCAL PAULISTA


Faça a sua PRÉ-INSCRIÇÃO que faremos o contato em seguida para orientações sobre a efetivação da matrícula.

Vejam a seguir o flyer chamada dos eventos:

Mini cartaz divulgação ipp_jul16

COMPARTILHE COM SUA REDE DE AMIGOS E CONTATOS.

 

 

Procurando oportunidades de trabalho


Job opportunities

Olá pessoal! Bom dia!

O Brasil passa atualmente por uma grande crise institucional, que está levando a todas as camadas da sociedade a se retraírem e perderem a confiança no amanhã, ocasionando um grande número de pessoas sem emprego e a condição suprema de obterem os recursos necessários para suas famílias. No entanto, apesar destes desafios, sempre é bom direcionar nossos esforços na busca de algo maior, sendo os principais ingredientes a confiança, fé, perseverança, trabalho e a crença de que amanhã estará muito melhor.

Pensando nisso, surgem diariamente pessoas e empresas que procuram encontrar soluções para minimizar este impacto social e através de ferramentas e informação, permite que possam ser encontradas OPORTUNIDADES para que elas se reafirmem e consigam prosseguir sua jornada.

Dentro desta linha, a ALAVANCA SOCIAL, através da área INSTITUTO SABEDORIA, pesquisa semanalmente opções para que as pessoas possam procurar e encontrar  vagas de trabalho e consequentemente o emprego que trará mais tranquilidade familiar em todos os níveis.

Para terem acesso a estas informações, visite nossa página OPORTUNIDADES, onde encontrarão links de empresas, ONGs, Agências, sites especializados e formas de busca de vagas de trabalho, seja no Terceiro Setor, como em outras áreas também. Ainda são poucas, mas gradativamente vamos disponibilizar novas opções.

Caso vocês conheçam sites ou áreas na internet que ofereçam esta condição, favor nos enviar para inclusão nesta página.

A todos um excelente dia e que possam encontrar a OPORTUNIDADE que desejam.

 

Cursos do Terceiro Setor Instituto Sabedoria (Julho/2016)


Olá pessoal!

Informando e fazendo o convite para cursos do Terceiro Setor que acontecerão na sede da Igreja Presbiteriana da Penha, em São Paulo, no mês de julho/2016.

Grade especialmente preparada para a sua capacitação! Veja a seguir quais estarão sendo ministrados por lá. Acesse as páginas dos eventos e conheça mais detalhes:

COMO FUNDAR ONGS: ASPECTOS ESTRUTURAIS E LEGALIZAÇÃO

PLANEJAMENTO E GESTÃO SOCIAL: A ORGANIZAÇÃO PARA O SUCESSO EM ONGS

OFICINA DE CAPTAÇÃO DE RECURSOS VIA NOTA FISCAL PAULISTA

Aproveite e faça a pré-inscrição e garanta sua participação

pré-inscrição

Mini cartaz divulgação ipp_jul16

SEJAM BEM VINDOS AO PROGRAMA DE TREINAMENTO INSTITUTO SABEDORIA

EMPRESÁRIO DE GOIÂNIA CRIA GELADEIRA SOLIDÁRIA PARA MORADORES DE RUA


Olá pessoal, bom dia!

Estamos em junho de 2016, o país  passa por uma crise político/institucional/econômica que está trazendo muitas dificuldades e desafios para aqueles que labutam diariamente para transformar seu contexto em algo melhor e, consequentemente, de todos aos seu redor. Nos meios de comunicação atuais, as únicas notícias são corrupção, impunidade, crimes, estupro, morte, esperteza, levar vantagem, etc., gerando uma energia negativa que afunda ainda mais as esperanças de um povo pacífico por natureza, mas que trabalha para dias melhores.

No meio desta triste realidade, vemos sopros e alentos de pessoas que faz o possível para trazerem soluções, mesmo que pequenas para alguns, mas enormes para outros que estão carentes de alguma coisa e precisando de apoio e ajuda. Nesta linha de pensamento quero compartilhar hoje uma bela atitude de um empresário de Goiânia que idealizou uma forma de ajudar pessoas através de um projeto simples e eficaz na luta contra a fome. Para conhecerem mais detalhes desta maravilhosa ação, leiam a reportagem que encontrei na página do G1.com. Este projeto foi colocado em prática há algum tempo, mas considero sempre atual pela importância para determinadas camadas da sociedade.

Vamos gerar uma energia contrária a tudo isso que está acontecendo e transformar o Brasil na potência que ele é e representa no cenário mundial. Veja a seguir a matéria:

geladeira solidária

A ideia já não é novidade em alguns países da Europa e até em uma cidadezinha da Arábia Saudita, mas o que ela representa é altamente gratificante: um passo – pequeno, mas ainda assim muito significativo – em direção à conscientização do quanto de comida desperdiçamos diariamente. 
O empresário goiano Fernando Barcelos criou o Projeto Geladeira Solidária e a instalou na calçada de seu comércio, na Rua Sete, localizada no centro de Goiânia.

Em entrevista ao G1, o empresário conta como teve a ideia: “Estava saindo do trabalho e vi uma mulher com um recém-nascido pedindo comida. Eu dei para eles durante três dias. Em casa, vi na internet que tinham feito isso [colocado geladeira na rua] na Holanda e na Arábia Saudita e resolvi fazer aqui também. Espero que seja a primeira de muitas, que outras pessoas vejam e façam o mesmo em outros lugares”.

O local onde a geladeira foi instalada é conhecido pela quantidade de moradores de rua e de usuários de drogas que perambulam por lá.

A intenção do empresário é despertar nas pessoas a consciência do quanto se é desperdiçado de comida por dia: “Nós jogamos fora quase um terço do que consumimos em um ano. Isso é muita coisa. Se tivermos noção de que outras pessoas que não tem nada precisam de alimento, talvez o desperdício seja menor“.

Quem tem fome não tem escolha…

Desde que a geladeira solidária foi instalada o movimento tem sido grande. Muitos já foram beneficiados por esse simples gesto e contam que o período da noite é certamente o mais difícil para quem não tem um lar.

É também o período em que passam mais fome na maioria das vezes.

“As pessoas ficam com receio, não ajudam muito. Os lugares que têm comida e que nos ajudam já estão fechados”, conta Washington Gomes, de 43 anos. “A ideia é inovadora, melhor que dar dinheiro. Já me ajudou quando eu estava com fome. Comi uma pizza aí esses dias, estava muito boa”, completou.

O supérfluo para uns é fundamental para outros…

Fernando não cuida da geladeira sozinho.

Outras pessoas se voluntariaram para cuidar do projeto, como é o caso de Raiany de Sousa, de 24 anos. A auxiliar administrativa conta que quando sai à noite, a geladeira está repleta de alimentos, mas quando chega pela manhã, está vazia.

Não há restrição de horários quanto ao uso da geladeira solidária. Ela está disponível 24 horas por dia, todos os dias da semana, mas é recolhida no final de semana. Raiany ainda contou que todos respeitam o projeto e que nunca encontrou nada inesperado dentro dela.

Não é necessário realizar qualquer tipo de cadastro para pegar os alimentos da geladeira e, também, não há limitações quanto à quantidade: “vai da consciência de cada um”, afirma Fernando.

Reabastecendo a geladeira solidária…

Para doar alimentos à geladeira, é preciso seguir algumas regras: os alimentos têm de estar fechados, dentro do prazo de validade e com a data de fabricação na embalagem. Não é permitido colocar bebidas alcoólicas, ovos, carnes ou peixes crus e pacotes abertos.

“Nós sempre colocamos doações quando vemos que a geladeira está vazia. Pessoas da região que já viram a ideia também vêm contribuir e até um restaurante aqui da rua”, diz Fernando, referindo-se ao restaurante do empresário Eustáquio Ribeiro, de 48 anos.

Eustáquio doa marmitas todos os dias: “colocamos a comida do dia com a data em que foi feita na embalagem e deixamos lá. Acho que é uma ideia muito interessante. Sempre tem algo que podemos doar e tem muita gente precisando. Se todo mundo fizer um pouquinho, o todo agradece”, afirma.

O desperdício é grande e o número de famintos também

De acordo com uma matéria publicada em agosto pela Revista Galileu, a ONU (Organização das Nações Unidas) divulgou números que indicam que o problema é muito mais grave do que se imagina: 1,3 bilhão de toneladas de comida é desperdiçado por ano.

Esse valor representa mais de um terço de todos os alimentos produzidos para o consumo humano.

“Nos lugares em que homens e mulheres e crianças carregam o fardo da fome, um discurso sobre democracia e liberdade que não reconheça estes aspectos materiais pode soar falso e minar os valores que procuramos promover”. (Nelson Mandela).

O mais impressionante é que mais de 800 milhões de pessoas no mundo não têm o suficiente para comer.

Não é preciso ser um gênio da matemática para chegar à conclusão que o que se desperdiça poderia acabar com o problema da fome no mundo, não é mesmo?

Claro que não é tão simples assim, há vários outros fatores envolvidos, como por exemplo, a má distribuição dos recursos, mas não há dúvidas que esses números cairiam significativamente.

O que cada cidadão deve refletir é o que ele pode fazer para contribuir para a diminuição desses números. Afinal de contas, esse é um problema que nos afeta enquanto humanidade.

Fonte: g1.globo.com.


Agora é sua vez. Qual é a sua contribuição para a solução dos problemas que afligem a humanidade?

Nós queremos te ouvir!


Estar capacitado para a tarefa é ter o poder de transformar você e sua comunidade!

Seja bem vindo ao PROGRAMA DE TREINAMENTO INSTITUTO SABEDORIA! 


Curso da Série Captação de Recursos em Bauru – SP


Olá pessoal! Um novo convite para a sua capacitação pessoal e profissional!

cursos-alavanca


icone parceria periferia legal

icone nome curso cap rec

Faça a sua PRÉ-INSCRIÇÃO e garanta sua participação!

Mais informações, programação e detalhes vejam em nossa página

PROGRAMAÇÃO DE CURSOS

pré-inscrição

Ou acesse nossa página CONTATO e deixe seus dados.

Na sequência enviaremos as orientações para efetivarem sua inscrição.

VAGAS LIMITADAS!


 Facilitador: Marcelo Rachid de Paula

Baixe o resumo profissional!

Cartaz Curso Bauru_Cap Rec_Jun16

ESPERAMOS POR VOCÊ!

INVISTA NA SUA CAPACITAÇÃO E TORNE-SE UM DIFERENCIAL NA SUA COMUNIDADE!

Cursos do Terceiro Setor na Penha em Junho – Você está convidado!


cursos-alavanca


icone parceria

FAÇA A SUA PRÉ-INSCRIÇÃO E GARANTA SEU LUGAR!

BOTÃO INSCRIÇÃO5

VAGAS LIMITADAS E UM NOVO FORMATO DE VALORES E PAGAMENTOS!

ENTRE EM CONTATO PARA MAIS INFORMAÇÕES!

Flyer curso IPP_junho16

ESPERAMOS POR VOCÊ! 

INVISTA EM VOCÊ E NA SUA CAPACITAÇÃO PESSOAL!

Uma nova vaga de trabalho


Uma nova parceria possibilitou uma nova base de cursos na cidade de São Paulo, localizada na região da Penha a 10 minutos do Metrô. Acessem nossa programação parcial em JUNHO e JULHO/2016

FAÇA A SUA PRÉ-INSCRIÇÃO E GARANTA SUA PARTICIPAÇÃO!


Polite-driver

Olá pessoal,

Estou compartilhando com vocês a informação de uma amiga que me passou estas vagas, que, apesar de ser por um período curto (durante as Olimpíadas), pode ser importante para quem está desempregado neste momento.

Esta oportunidade está sendo veiculada pela Agência Simetria RH e que está disponibilizando uma área para que as pessoas possam se cadastrar e se candidatar às vagas. Veja a seguir as informações:

MOTORISTA OLIMPÍADAS

Estamos selecionando ambos os sexos, para trabalhar nas Olimpíadas como motoristas. É necessário categoria B, com no mínimo 03 anos de habilitação e o Segundo Grau Completo.

Clique aqui para se cadastrar!


Dados para contato em caso de dúvidas:

(21)3211-8100 contato@simetria-rh.com.br


Uma nova vaga no Instituto Escolhas


logotipo instituto escolhas

Olá pessoal!

O Instituto Escolhas, instituição voltada ao Desenvolvimento Sustentável, abriu seleção para uma nova vaga. A todos os interessados favor acessar as informações em nossa página:

VAGA INSTITUTO ESCOLHAS


 A todos desejamos sucesso!


PROGRAMA DE TREINAMENTO INSTITUTO SABEDORIA

ACESSE E CONHEÇA NOSSOS CURSOS E EVENTOS!


APAE SP abre novas vagas de trabalho


Olá pessoal

Veja a seguir algumas vagas abertas pela APAE SP.

Para envio de currículo e informações ver as informações abaixo:


logo apae sp informações APAE SP

VAGAS DE TRABALHO

Analista de Projetos Sociais

Formação: Superior em ciências Humanos

Experiência em Identificar oportunidades para apresentação dos projetos sociais da organização, elaborando-os e submetendo para analises.

Assistência Médica, Odontológica, Restaurante no Local, Cesta Básica, salário a combinar.


Analista Educacional

Superior Completo em Pedagogia, Letras ou áreas afins, experiência com planejamento de aulas, desenvolvimento de  programas e projetos de educação continuada, a partir das diretrizes e estratégias da Organização, validação de conteúdo, didática, entre outras atividades pertinentes ao cargo.

Assistência Médica, Odontológica, Restaurante no Local, Cesta Básica, salário a combinar.


Supervisor de Projetos Sociais

Superior Completo em Ciências Humanos, conhecimento em politicas publicas, atuação com projetos sociais de formação e articulação.

Assistência Médica, Odontológica, Restaurante no Local, Cesta Básica, salário a combinar.


Para mais informações e encaminhamento de currículo favor enviar para o e-mail patricia.umbelino@apaesp.org.br


Desejamos boa sorte!

Entidades lançam em Brasília Frente pelo Controle e contra a Corrupção


Fonte: http://osbrasil.org.br/

A iniciativa conecta a CGU com a sociedade em prol do fortalecimento de órgãos de controle popular sobre a atuação estatal.


Servidores da Controladoria-Geral da União (CGU) e representantes de diversas entidades da sociedade civil lançaram na última quinta-feira (5) a Frente pelo Controle e contra a Corrupção. A Frente tem como objetivos o fortalecimento institucional dos órgãos de controle e o incentivo a mecanismos de controle social.

O lançamento da Frente ocorreu num ato público realizado às 17 horas, em frente à Controladoria-Geral da União (Setor de Autarquias Sul- SAS, Quadra 01, Bloco A, Edifício Darcy Ribeiro).

Houve presença  de representantes da sociedade civil, parlamentares, dirigentes da CGU, dentre outras autoridades.

A Frente pelo Controle e Contra a Corrupção é uma iniciativa que conecta a CGU com a sociedade para lutar pelo fortalecimento dos órgãos de controle e pelo aprimoramento dos mecanismos de controle popular sobre a atuação estatal. Entre as preocupações da Frente estão as dificuldades enfrentadas pelos órgãos de controle do Poder Executivo para cumprir sua missão institucional de fiscalizar o uso de recursos públicos e contribuir para o aperfeiçoamento da gestão pública. Os participantes da Frente lembram que, no fim do ano passado, a Controladoria-Geral da União (CGU) quase perdeu a condição de ministério, para ser absorvida por outros órgãos. Para evitar retrocessos como esse, que representam o enfraquecimento do combate à corrupção e da luta pela transparência, está na ordem do dia no Senado Federal a PEC 45/2009, que torna permanentes os órgãos de controle interno como a CGU.

Os três eixos da Frente pelo Controle e Contra a Corrupção são: prevenção e combate à corrupção; apoio a uma gestão pública eficaz, eficiente e efetiva; aprofundamento da democracia.

Saiba mais em frentepelocontrole.org

ato contra corrupção

MAIS INFORMAÇÕES:

Anjuli Tostes, 61 8129-5588; anjulitf@gmail.com
Antonio Barros, 61 9999-9229, tombarros69@gmail.com
Fábio Félix, 61 8227-7294, fabiofelix77@gmail.com
Valdirene Medeiros, 61 9612-7457, valpaes2602@gmail.com

Integrantes da Frente
Entidades da Sociedade Civil

Amarribo Brasil
AUDITAR – União dos Auditores Federais de Controle Externo
Datapedia
FNCC – Fórum Nacional de Combate à Corrupção do CNMP
INESC – Instituto de Estudos Sócioeconomicos
IFC – Instituto de Fiscalização e Controle
Instituto Soma Brasil
MCCE – Movimento Contra a Corrupção Eleitoral
OSB – Observatório Social do Brasil
Projeto Brasil 2030 / Guerrilha do Servidor Público
Rede Social Brasileira por Cidades Justas Democráticas e Sustentáveis
UNACON Sindical – Sindicato Nacional dos Analistas e Técnicos de Finanças e Controle
UGT – União Geral dos Trabalhadores
Ação Cearense de Combate a Corrupção e a Impunidade – ACECCI
Associação de Moradores de Primavera e Rosana pela Ética e Moralidade Administrativa – AMPREMA (Rosana – SP)
Associação Diamantina Viva – ADIV (Diamantina – MG)
Associação dos Amigos da Cidadania e do Meio Ambiente de Piracicaba – AMAPIRA (Piracicaba – SP)
Associação dos Amigos e Moradores de Viçosa – AMEVIÇOSA (Viçosa – MG)
Ativa Búzios (Armação dos Búzios – RJ)
Conselho Nacional do Laicato do Brasil da Diocese de Piracicaba – CNLB (Piracicaba – SP)
Colmeia da Inovação (DF)
DF em Movimento (Distrito Federal)
Instituto de Cultura e Cidadania A Voz do Cidadão (Rio de Janeiro – RJ)
Movimento Transparência Tucuruí (Tucuruí – PA)
Observatório Social de Brasília (Distrito Federal)
Observatório Social de Mandaguari – ADAMA (Mandaguari – PR)
Pastoral do Serviço da Caridade – PASCA (Piracicaba – SP)
Rede Nossa São Paulo (São Paulo – SP)
Sociedade Terra Viva – STV (São José de Mipibu – RN)

Curso da Série Planejamento e Gestão Social em São Paulo


cursos-alavanca


icone parceria

icone planejamento e gestão

Faça a sua inscrição e veja todos os detalhes do evento.

Mais informações e detalhes vejam em nossa página PROGRAMAÇÃO DE CURSOS

icone inscrição desconto

No local da inscrição estão disponíveis todas as informações relativas ao evento.

Se desejar, também disponibilizamos mais 2 formas de se inscrever:

Acesso a nossa página CONTATO, deixando nome, telefone e email informando que

– Realizará depósito/transferência para nossa conta.

– Pagará em dinheiro no dia do evento.

VAGAS LIMITADAS!

Cartaz Curso Gestão _Igreja Prebiteriana_SP_maio16

ESPERAMOS POR VOCÊ!

Captação de Recursos através de incentivos fiscais


“O Terceiro Setor, sem sombra de dúvidas, é o elo de sustentação de uma nação, o qual promove ações e soluções que os poderes público e privado deixam de realizar”. (Alavanca Social)


Bom dia pessoal,

Vamos compartilhar com vocês hoje uma publicação do site nossacausa.com, cujo conteúdo são algumas possibilidades de fazer a captação de recursos através de projetos e leis que permitem que o doador (pessoa física e jurídica) obtenha incentivos fiscais pela doação a projetos sociais, esportivos, saúde, cultura, etc..

Vocês irão observar que cada lei segue a sua especificidade e objetivos, mas todas elas tem um ponto em comum, colabora no processo da busca de sustentabilidade das Organizações da Sociedade Civil, conhecidas como ONGs.

Penso que estes benefícios devam se estender a todos os tipos de projetos, pois são de suma importância para as comunidades, já que o poder público e privado deixam a desejar neste quesito.

Vejam a seguir a publicação:

Claves-captación-de-fondos-2015

Captação de recursos através de leis de incentivo

(Atualizado com as Leis nº 13.019/14 e 13.204/15)

Fonte: http://nossacausa.com

Um dos maiores desafios a ser enfrentado pelas organizações do Terceiro Setor diz respeito à questão da sustentabilidade econômica, ou seja, à capacidade de conseguir angariar recursos suficientes para realizar o pagamento de despesas, quitar obrigações, executar projetos, e assim, cumprir sua missão social.

Desta forma, é de fundamental importância que haja o direcionamento de esforços para a captação, bem como para a diversificação e ampliação das fontes de recursos.

Fontes de captação de recursos: leis de incentivo

Dentre as fontes de captação de recursos, destacamos neste artigo as leis de incentivo, criadas pelo poder público para estimular o investimento por parte das pessoas físicas e/ou jurídicas em atividades específicas. Essas leis, que podem ter prazo determinado, configuram uma espécie de renúncia fiscal, onde o governo deixa de arrecadar parte dos tributos, para que estes sejam destinados a entidades ou a projetos sociais.

As leis de incentivo permitem às empresas e às pessoas físicas escolher onde será aplicada uma parte dos impostos que seriam pagos ao fisco, através da “doação” de recursos a entidades privadas sem fins lucrativos, fundos ou projetos específicos. O benefício para os doadores é a redução dos tributos a pagar (ou aumento do valor a restituir), que em determinados casos pode chegar a 100% do valor doado.

Um parêntese para explicar as aspas acima: se eu faço uma doação de R$ 500,00 através das leis de incentivo, e recupero os mesmos R$ 500,00 em dedução do Imposto de Renda a pagar, não considero que tenha feito uma doação, no sentido da palavra. Apenas fiz uma destinação do imposto que iria pagar para o governo. Já, se na mesma situação consigo recuperar R$ 400,00 em dedução do imposto, terei doado R$ 100,00, pois foi o que efetivamente saiu do meu bolso a título de doação.

Mas, voltando ao tema, com a utilização das leis de incentivo, os projetos sociais passam a ter mais chances de serem concretizados e poderem contribuir com as necessárias mudanças e transformações do cenário de uma comunidade, do município, do estado, de uma região, ou até mesmo do país inteiro.

Através dessa renúncia fiscal por parte do governo, as pessoas jurídicas conseguem reduzir os valores a pagar de Imposto de Renda (IR), enquanto as pessoas físicas conseguem reduzir o valor do imposto a pagar, ou ainda aumentar o valor a ser restituído.

Doação realizada por pessoa física

Com relação às doações realizadas por pessoas físicas, apenas usufruirão do benefício de dedução do IR a pagar ou aumento do valor a restituir, aquelas que utilizem a Declaração de Imposto de Renda (DIPF) com a opção de tributação por deduções legais – Declaração Completa. Portanto, o benefício não é concedido para aqueles que utilizem a declaração com a opção de tributação por desconto simplificado (Declaração Simplificada).

Doação realizada por pessoa jurídica

Para as pessoas jurídicas, o benefício será concedido apenas às empresas que tenham Imposto de Renda a pagar, cujo resultado tenha sido apurado com base no Lucro Real. Desta forma, a dedução é vedada para as empresas tributadas pelo Lucro Presumido, Arbitrado ou Simples Nacional.

Também, não é qualquer atividade social que gera o benefício da redução de impostos. De acordo com as leis de incentivo, as áreas alcançadas são: cultura, proteção à criança e ao adolescente, proteção ao idoso, esporte, combate ao câncer (oncologia), e reabilitação de pessoas com deficiência (PCD).

É importante ressaltar que para atender aos requisitos legais, as doações ainda precisam ser realizadas diretamente a:

  • Projetos de caráter cultural e artístico, autorizados pelo Ministério da Cultura;
  • Projetos desportivos e paradesportivos, autorizados pelo Ministério do Esporte;
  • Projetos executados por entidades que implementem o Programa Nacional de Apoio à Atenção Oncológica – PRONON, ou o Programa Nacional de Apoio à Atenção da Saúde da Pessoa com Deficiência – PRONAS/PCD, devidamente credenciadas no Ministério da Saúde;
  • Fundos dos Direitos da Criança e do Adolescente;
  • Fundos do Idoso;

Independentemente das situações acima descritas, as entidades caracterizadas como Organização da Sociedade Civil – OSC, desde que apresentem em seus estatutos ao menos uma das atividades previstas no Art. 84-C da Lei no 13.019/14, denominada de Marco Regulatório das Organizações da Sociedade Civil – MROSC, também são beneficiadas por lei de incentivo fiscal.

Essas instituições podem apenas receber doações de pessoas jurídicas tributadas pelo lucro real. Neste caso, as empresas não deduzem diretamente a doação realizada do valor do imposto a pagar, mas da base de cálculo, o que, consequentemente, reduz o valor do Imposto de Renda e da Contribuição Social sobre o Lucro Líquido – CSLL a pagar.

Importante ressaltar que até a publicação da Lei no 13.204 em dezembro de 2015, que alterou a Lei no 13.019/14 (MROSC) e a legislação relativa aos incentivos fiscais, apenas as entidades sem fins lucrativos, criadas por lei, que prestassem serviços gratuitos, ou aquelas detentoras do título de Utilidade Pública Federal – UPF, ou da qualificação como Organização da Sociedade Civil de interesse Público – OSCIP, poderiam se beneficiar pelas leis de incentivo.

Portanto, a captação de recursos através das leis de incentivo pode ocorrer diretamente pelas OSC, ou pelas instituições que exerçam atividades nas áreas cultural, assistencial (proteção a crianças, adolescentes e idosos), esportiva, e de saúde (oncologia, e reabilitação de PCD). Com relação aos doadores, estes podem ser beneficiados pela dedução direta do valor do IR devido, pela dedução da base de cálculo do IR e da CSLL como despesa operacional, ou ainda pela combinação das duas formas anteriores.

Em virtude da importância deste tema para as organizações do Terceiro Setor, traremos, a partir dos próximos artigos, maiores detalhes, de forma individualizada, acerca das leis de incentivo de âmbito federal vigentes no país.


PROGRAMA DE TREINAMENTO INSTITUTO SABEDORIA

A parceria Instituto Sabedoria – Igreja Presbiteriana da Penha, com o apoio da Alavanca Social e Hebron convida para os cursos em maio/2016:

icone nome curso cap rec

icone planejamento e gestão

Esperamos por vocês! Inscreva-se através dos ícones acima!

Austrália abre supermercado gratuito apenas com produtos que seriam descartados


Olá pessoal,

Compartilhando com  vocês uma notícia publicada no site ciclovivo.com.br e que foi também compartilhada por Franciscas Moraes no Twitter (@fmoraes1963).

Ideia fantástica, que, se adotada em todos os países do mundo, reduziria significativamente a fome que teima em estar presente em toda parte, apesar de produções fantásticas de alimentos em diversos países, como o Brasil, que é líder na produção de alimentos, com uma agropecuária forte, mas com um desperdício e modelo de distribuição muito aquém do que poderia estar presente para as populações carentes. Como diz o velho ditado: “Em casa de ferreiro o espeto é de pau”.

Independente destas questões, é muito legal ver na Austrália e alguns países encontrando soluções para evitar o desperdício e principalmente suprir as necessidades de pessoas menos favorecidas. Não tenho conhecimentos de que no Brasil exista um projeto como esse, mas se não tem, já passou da hora de iniciar um modelo semelhante em todos cantos do país. E nestas horas fico fazendo um paralelo entre o momento atual do Brasil, com uma crise enorme nas áreas político/institucional, com bilhões sendo desviados para interesse de poucos, que poderiam ser utilizados para projetos como esse e outros também importantes que não acontecem por pura falta de recursos. Oxalá tudo se encaminhe para isso no mais breve tempo. Leiam a seguir a matéria. Boa leitura e reflexões:

Austrália abre supermercado gratuito apenas com produtos que seriam descartados

O mercado é baseado no modelo “Pegue o que precisa, dê o que puder.”
Tudo é gratuito para aqueles que não podem pagar por isso, ou é possível doar a quantia que a pessoa desejar. Foto: Divulgação/OzHarvest

Seguindo uma tendência de outros países do mundo, a Austrália ganhou se primeiro supermercado com produtos rejeitados por supermercados, restaurantes e pelos próprios clientes. Criado pela OzHarvest, ONG de combate ao desperdício de alimento, no novo mercado as cenouras antigas e alimentos enlatados com data de validade por vencer, ou recém-vencidos, são tratados com respeito e dignidade. Tomates maduros, que seriam jogados no lixo, são empilhados com orgulho.

A mercearia teste, localizada em Sidney, vai além dos rótulos de venda e uso para lidar com o desperdício de alimentos e seu impacto no meio ambiente e para combater a fome. Tudo é gratuito para aqueles que não podem pagar por isso. Ou é possível doar a quantia que a pessoa desejar.

A loja armazena uma gama de produtos, incluindo frutas e legumes frescos, pães, conservas, refeições congeladas, bebidas, e produtos de higiene pessoal e de limpeza. As prateleiras serão semanalmente modificadas, dependendo do que for recuperado. Os clientes são incentivados a doar qualquer coisa que eles não queiram mais.

O desperdício de alimentos na Austrália custa cerca de US $ 20 bilhões por ano. Os consumidores australianos desperdiçam vinte por cento dos alimentos comprados e jogam fora uma em cada cinco cestas de compras de alimentos todos os anos. Quatro milhões de toneladas de alimentos acabam em aterros sanitários, onde se decompõem e acabam emitindo metano, um potente gás de efeito estufa.

O empresária australiana atrás do OzHarvest, Ronni Kahn, acredita que este supermercado é um passo na direção certa. “Toda vez que salvamos comida boa, ajudamos o planeta. Cada vez que usamos esse alimento para a alimentação de pessoas famintas, lidamos com questões sociais”, diz Kahn em entrevista à revista Broadsheet.

Ronni Kahn, a idealizadora do projeto | Foto: Divulgação/OzHarvest

O OzHarvest trabalha com mais de 2.500 doadores de alimentos. “Nós resgatamos alimentos que não podem ser vendidos por supermercados e varejistas de alimentos pelo seu prazo de validade, mas que ainda estão perfeitamente bons para o consumo”, diz Kahn. “Se algo expirou, isso não é motivo para jogá-lo fora.” “Só resgatamos comida que seja absolutamente comestível. Estamos mostrando aos nossos consumidores como é loucura que este produto tenha sido rejeitado”, diz ela. “Todos os nossos motoristas são treinados no manuseio, eles não aceitam nenhum produto que eles mesmo não comeriam.”

A maioria dos produtos são produtos considerados com “defeitos” como enlatados amassados ou frutas e legumes com alguns “hematomas”, que acabam indo parar no lixo. “Tudo o que fazemos não é sobre lucro, é sobre propósito”, diz Kahn.

“As pessoas vão entrar e dizer: ‘Uau, isso é exatamente o que eu iria comprar em qualquer lugar, e agora eu posso apenas levá-lo, usá-lo, ou dar para alguém”.

Khan diz que a OzHarvest planeja abrir outros estabelecimentos, tanto em Sidney como em todo o país. “Acreditamos totalmente que isso será um catalisador para outros desenvolvedores imobiliários. Temos a capacidade de levá-lo ao redor do país, se todas as forças se unirem. Este é um modelo duplicável.”

 

Saiba mais sobre o projeto na página deles no Facebook

###


Programa de Treinamento Alavanca Social e Instituto Sabedoria

Faça a pré-inscrição!


Palestras Acadêmicas

Programa de palestras gratuitas em Instituições de Ensino!


R2 Creative

Criação de Apresentações Profissionais, Pessoais e Acadêmicas!

A imagem e comunicação de sua Organização em destaque!