Alavanca Social e Instituto Sabedoria inicia o ciclo de Palestras Acadêmicas (Evento Gratuito)


ALAVANCA SOCIAL

imagem palestra academica drummond

Olá pessoal!

Todo ano, a partir do mês de março até dezembro, o Instituto Sabedoria, em parceria com a Alavanca Social, realiza o projeto Palestras Acadêmicas. Este projeto faz parte de nossas ações deResponsabilidade Social.

Trata-se da participação espontânea de pessoas ou parceiros ligados aos projetos de ambos para a realização de palestras em meios acadêmicos (faculdades, universidades e outras instituições de ensino), sendo estes eventos gratuitos quando realizados nestes ambientes e em distâncias até 100 km de nossa base de origem (acima desta distância recomenda-se entrar em Contato)

banner-palestras

Os assuntos, em sua grande maioria, estão relacionados ao Terceiro Setor ou áreas correlacionadas, sendo seu principal objetivo transmitir informações e compartilhar conhecimentos com alunos e professores nesta tema, tão importante para pessoas, comunidades e sociedade em geral.

Para conhecerem um pouco mais sobre o projeto acessem o site da Alavanca Social.

Esperamos vocês em nossos cursos e

Ver o post original 2 mais palavras

Anúncios

Captação de Recursos através de incentivos fiscais


“O Terceiro Setor, sem sombra de dúvidas, é o elo de sustentação de uma nação, o qual promove ações e soluções que os poderes público e privado deixam de realizar”. (Alavanca Social)


Bom dia pessoal,

Vamos compartilhar com vocês hoje uma publicação do site nossacausa.com, cujo conteúdo são algumas possibilidades de fazer a captação de recursos através de projetos e leis que permitem que o doador (pessoa física e jurídica) obtenha incentivos fiscais pela doação a projetos sociais, esportivos, saúde, cultura, etc..

Vocês irão observar que cada lei segue a sua especificidade e objetivos, mas todas elas tem um ponto em comum, colabora no processo da busca de sustentabilidade das Organizações da Sociedade Civil, conhecidas como ONGs.

Penso que estes benefícios devam se estender a todos os tipos de projetos, pois são de suma importância para as comunidades, já que o poder público e privado deixam a desejar neste quesito.

Vejam a seguir a publicação:

Claves-captación-de-fondos-2015

Captação de recursos através de leis de incentivo

(Atualizado com as Leis nº 13.019/14 e 13.204/15)

Fonte: http://nossacausa.com

Um dos maiores desafios a ser enfrentado pelas organizações do Terceiro Setor diz respeito à questão da sustentabilidade econômica, ou seja, à capacidade de conseguir angariar recursos suficientes para realizar o pagamento de despesas, quitar obrigações, executar projetos, e assim, cumprir sua missão social.

Desta forma, é de fundamental importância que haja o direcionamento de esforços para a captação, bem como para a diversificação e ampliação das fontes de recursos.

Fontes de captação de recursos: leis de incentivo

Dentre as fontes de captação de recursos, destacamos neste artigo as leis de incentivo, criadas pelo poder público para estimular o investimento por parte das pessoas físicas e/ou jurídicas em atividades específicas. Essas leis, que podem ter prazo determinado, configuram uma espécie de renúncia fiscal, onde o governo deixa de arrecadar parte dos tributos, para que estes sejam destinados a entidades ou a projetos sociais.

As leis de incentivo permitem às empresas e às pessoas físicas escolher onde será aplicada uma parte dos impostos que seriam pagos ao fisco, através da “doação” de recursos a entidades privadas sem fins lucrativos, fundos ou projetos específicos. O benefício para os doadores é a redução dos tributos a pagar (ou aumento do valor a restituir), que em determinados casos pode chegar a 100% do valor doado.

Um parêntese para explicar as aspas acima: se eu faço uma doação de R$ 500,00 através das leis de incentivo, e recupero os mesmos R$ 500,00 em dedução do Imposto de Renda a pagar, não considero que tenha feito uma doação, no sentido da palavra. Apenas fiz uma destinação do imposto que iria pagar para o governo. Já, se na mesma situação consigo recuperar R$ 400,00 em dedução do imposto, terei doado R$ 100,00, pois foi o que efetivamente saiu do meu bolso a título de doação.

Mas, voltando ao tema, com a utilização das leis de incentivo, os projetos sociais passam a ter mais chances de serem concretizados e poderem contribuir com as necessárias mudanças e transformações do cenário de uma comunidade, do município, do estado, de uma região, ou até mesmo do país inteiro.

Através dessa renúncia fiscal por parte do governo, as pessoas jurídicas conseguem reduzir os valores a pagar de Imposto de Renda (IR), enquanto as pessoas físicas conseguem reduzir o valor do imposto a pagar, ou ainda aumentar o valor a ser restituído.

Doação realizada por pessoa física

Com relação às doações realizadas por pessoas físicas, apenas usufruirão do benefício de dedução do IR a pagar ou aumento do valor a restituir, aquelas que utilizem a Declaração de Imposto de Renda (DIPF) com a opção de tributação por deduções legais – Declaração Completa. Portanto, o benefício não é concedido para aqueles que utilizem a declaração com a opção de tributação por desconto simplificado (Declaração Simplificada).

Doação realizada por pessoa jurídica

Para as pessoas jurídicas, o benefício será concedido apenas às empresas que tenham Imposto de Renda a pagar, cujo resultado tenha sido apurado com base no Lucro Real. Desta forma, a dedução é vedada para as empresas tributadas pelo Lucro Presumido, Arbitrado ou Simples Nacional.

Também, não é qualquer atividade social que gera o benefício da redução de impostos. De acordo com as leis de incentivo, as áreas alcançadas são: cultura, proteção à criança e ao adolescente, proteção ao idoso, esporte, combate ao câncer (oncologia), e reabilitação de pessoas com deficiência (PCD).

É importante ressaltar que para atender aos requisitos legais, as doações ainda precisam ser realizadas diretamente a:

  • Projetos de caráter cultural e artístico, autorizados pelo Ministério da Cultura;
  • Projetos desportivos e paradesportivos, autorizados pelo Ministério do Esporte;
  • Projetos executados por entidades que implementem o Programa Nacional de Apoio à Atenção Oncológica – PRONON, ou o Programa Nacional de Apoio à Atenção da Saúde da Pessoa com Deficiência – PRONAS/PCD, devidamente credenciadas no Ministério da Saúde;
  • Fundos dos Direitos da Criança e do Adolescente;
  • Fundos do Idoso;

Independentemente das situações acima descritas, as entidades caracterizadas como Organização da Sociedade Civil – OSC, desde que apresentem em seus estatutos ao menos uma das atividades previstas no Art. 84-C da Lei no 13.019/14, denominada de Marco Regulatório das Organizações da Sociedade Civil – MROSC, também são beneficiadas por lei de incentivo fiscal.

Essas instituições podem apenas receber doações de pessoas jurídicas tributadas pelo lucro real. Neste caso, as empresas não deduzem diretamente a doação realizada do valor do imposto a pagar, mas da base de cálculo, o que, consequentemente, reduz o valor do Imposto de Renda e da Contribuição Social sobre o Lucro Líquido – CSLL a pagar.

Importante ressaltar que até a publicação da Lei no 13.204 em dezembro de 2015, que alterou a Lei no 13.019/14 (MROSC) e a legislação relativa aos incentivos fiscais, apenas as entidades sem fins lucrativos, criadas por lei, que prestassem serviços gratuitos, ou aquelas detentoras do título de Utilidade Pública Federal – UPF, ou da qualificação como Organização da Sociedade Civil de interesse Público – OSCIP, poderiam se beneficiar pelas leis de incentivo.

Portanto, a captação de recursos através das leis de incentivo pode ocorrer diretamente pelas OSC, ou pelas instituições que exerçam atividades nas áreas cultural, assistencial (proteção a crianças, adolescentes e idosos), esportiva, e de saúde (oncologia, e reabilitação de PCD). Com relação aos doadores, estes podem ser beneficiados pela dedução direta do valor do IR devido, pela dedução da base de cálculo do IR e da CSLL como despesa operacional, ou ainda pela combinação das duas formas anteriores.

Em virtude da importância deste tema para as organizações do Terceiro Setor, traremos, a partir dos próximos artigos, maiores detalhes, de forma individualizada, acerca das leis de incentivo de âmbito federal vigentes no país.


PROGRAMA DE TREINAMENTO INSTITUTO SABEDORIA

A parceria Instituto Sabedoria – Igreja Presbiteriana da Penha, com o apoio da Alavanca Social e Hebron convida para os cursos em maio/2016:

icone nome curso cap rec

icone planejamento e gestão

Esperamos por vocês! Inscreva-se através dos ícones acima!

Parceria Instituto Sabedoria e Igreja Presbiteriana da Penha promove programa de treinamento


Olá pessoal!

Passando hoje para compartilhar uma publicação do Instituto Sabedoria a respeito do fechamento de uma parceria que irá promover um ótimo programa de treinamento em assuntos voltados ao Terceiro setor e suas ações naturais, que tanto fazem a diferença em comunidades por todo o país.

Para terem acesso ao artigo favor acessarem:

Parceria Instituto Sabedoria e Igreja Presbiteriana da Penha

Vejam a seguir uma chamada para os eventos de Abril/2016.

Mini cartaz divulgação Ongs Zona Leste

Vagas limitadas! Faça a sua inscrição através dos seguintes canais:

Através da plataforma de eventos acessando através dos links abaixo:

https://www.eventbrite.com.br/e/curso-serie-captacao-de-recursos-para-ongs-em-sao-paulo-tickets-24377094546

https://www.eventbrite.com.br/e/curso-sobre-criacao-de-ongs-em-sao-paulo-tickets-24378717400

Ou diretamente através do formulário constante no site: 

BOTÃO INSCRIÇÃO5

Ou então deixando suas informações e curso de interesse em nossa página Contato

https://institutosabedoria.wordpress.com/contato/

——————————————————-

Damos a todos boas vindas ao Instituto sabedoria / Alavanca Social.

 

Hoje inicia-se o ciclo de Palestras Acadêmicas (Evento Gratuito)


imagem palestra academica drummond

Olá pessoal!

Todo ano, a partir do mês de março até dezembro, o Instituto Sabedoria, em parceria com a Alavanca Social, realiza o projeto Palestras Acadêmicas. Este projeto faz parte de nossas ações de Responsabilidade Social.

Trata-se da participação espontânea de pessoas ou parceiros ligados aos projetos de ambos para a realização de palestras em meios acadêmicos (faculdades, universidades e outras instituições de ensino), sendo estes eventos gratuitos quando realizados nestes ambientes e em distâncias até 100 km de nossa base de origem (acima desta distância recomenda-se entrar em Contato)

banner-palestras

Os assuntos, em sua grande maioria, estão relacionados ao Terceiro Setor ou áreas correlacionadas, sendo seu principal objetivo transmitir informações e compartilhar conhecimentos com alunos e professores nesta tema, tão importante para pessoas, comunidades e sociedade em geral.

Para conhecerem um pouco mais sobre o projeto acessem o site da Alavanca Social.

Esperamos vocês em nossos cursos e eventos.

Parceria entre a Microsoft e Secretaria Estadual de Educação oferecem gratuitamente 5 programas para estudo e ensino


alunos em sala de aula

Olá pessoal! Replicando postagem do Instituto Sabedoria!

Fonte: www.educacao.sp.gov.br/

Parceria com a Microsoft oferece download gratuito do novo Office 365 a todos os alunos da rede

Os alunos da rede estadual paulista podem aproveitar as férias para organizar arquivos digitais que facilitam o estudo dentro e fora de sala de aula. Em parceria com a Microsoft, a Educação permite o download gratuito de cinco licenças do Office 365: Word, Excel, Power Point e Outlook são alguns dos programas disponíveis, e gratuitos, aos 3,8 milhões de estudantes do Ensino Fundamental (ciclo I e II),Ensino Médio e Educação de Jovens e Adultos (EJA).

Siga a Secretaria da Educação no Twitter e noFacebook

Para ter acesso ao pacote é preciso antes fazer um cadastro na página da Secretaria Escolar Digital (SED) e criar um novo endereço de e-mail. Com esse registro, as assinaturas podem ser realizadas em até cinco dispositivos diferentes seja computador pessoal, tablete e/ou celular. O uso é livre e não depende de quaisquer outras autorizações.

Veja a seguir as vantagens de cada programa, como utilizá-los em tarefas escolares e melhorar o desempenho dos estudantes em sala de aula:

Word

Programa mais popular do pacote Office, o Word é um editor de texto. Ideal para redigir trabalhos de pesquisa, anotações em sala de aula e resumos de capítulos. As formatações mais recomendadas são Arial, Courier e Times New Roman (tamanho 12).

Power Point

Esqueça os cartazes de cartolina ou papel pardo. Com o Power Point é possível criar apresentações mais criativas e com destaque ao conteúdo. A versão do Office 365 permite adicionar sons e vídeos, além de imagens e textos.

Outlook

Mais do que uma caixa de mensagens, o Outlook é também agenda de contatos e calendário. Marque as datas de provas, entregas de trabalho e atividades extraclasses em um único lugar. Não esqueça de habilitar os alertas para não perder nenhum compromisso.

Skype

Reuniões de grupo, às vezes, esbarram no problema: distância. Com o Skype, alunos em diferentes lugares (em casa, no trabalho, na escola) podem discutir etapas de um trabalho ou até tirar dúvidas antes das provas.

OneDrive

Armazene em um só lugar textos, imagens e vídeos. Mais do que economizar espaço, o OneDrive evita a famosa frase “professor, esqueci o material em casa”. Basta garantir o acesso à internet que todas as informações salvas nos dispositivos são recuperadas.

Boas Práticas na Gestão de Organizações Sociais. Vejam momentos dos eventos!


Olá pessoal!

O programa ATN / IBM continua em diversas partes do Brasil e a Alavanca Social, juntamente com os parceiros locais em cada uma das cidades onde o evento se realizou, pode compartilhar seus conhecimentos e experiências a todas as pessoas que estiveram presentes.

Hoje estaremos mostrando algumas fotos dos eventos de Belém-PA e Vitória-ES, onde houve uma ótima participação e pessoas ativas que também colaboraram com o sucesso dos eventos através de suas experiências pessoais e profissionais.

Vejam a seguir algumas fotos dos eventos:

Belém-PA

DSCN1132

DSCN1133 DSCN1199

Vitória-ES

DSC03085 DSC03086 DSC03107

Agradecimentos a todos que fizeram parte em cada um desses eventos.

Em 2013, se Deus assim permitir, estaremos de volta com novos eventos e formatos.

Projeto Educar para a Vida…veja o andamento


O projeto está tendo uma excelente receptividade e a chegada de novos apoiadores e parceiros permitirá seu fortalecimento e sucesso! Vejam a seguir mais algumas informações enviadas pelo pessoal do Lar Anália Franco:

Olá amigo e amiga do Lar Anália Franco

Tudo bem?

Primeiro, queremos agradecer a vocês pela grande receptividade com nosso Projeto Educar para a Vida, inscrito no Fundo Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente de Jundiaí.

Cada um de vocês tem nos apoiado muito, tanto na divulgação quanto na destinação de imposto de renda.

Para facilitar a sua destinação ao nosso projeto, encaminhamos, abaixo, o simulador da Receita Federal.

Ao incluir seus dados, você poderá estimar o “valor do imposto” e, sobre este, calcular sua porcentagem de destinação.

segue link:

http://www.receita.fazenda.gov.br/aplicacoes/atrjo/simulador/simulador.asp?/tiposimulador=a

Pedimos a gentileza de, ao fazer a destinação, entrar em contato conosco (tel: 9 9630 9616 – Daniel Polo)

Um fraterno abraço,

Daniel Polo

image001