Clube Esperia participa da Reatech 2017 – Reabilitação, Inclusão e Acessibilidade


Olá pessoal,

Compartilhando informações sobre a Reatech 2017. Vejam a seguir:

A Feira Internacional de Tecnologias em Reabilitação, Inclusão e Acessibilidade é considerada a principal feira do setor na América Latina

Entre os dias 1º e 4 de junho São Paulo irá sediar o principal  evento de reabilitação e inclusão do país, a Reatech. Com o propósito de apresentar as últimas tendências e lançamentos para profissionais do setor e consumidores, a feira reunira cerca de 300 expositores e um público estimado em 52 mil pessoas e o Clube Esperia terá participação garantida.

“Acredito que um clube socioesportivo deve atender a todos, sem distinção e buscamos ser exemplo e inspirar pessoas e outros clubes da cidade. A Reatech é uma excelente oportunidade para que possamos nos manter antenados quanto às novidades da área oferecer sempre as melhores condições aos paratletas e associados com deficiência ou problemas de locomoção”, comenta o presidente do Esperia, Dr. Osmar Monteiro.

O Clube, que desde 2015 conta com 5 modalidades paradesportivas em sua grade de atividades,  tem investido na formação de paratletas e obtido excelentes resultados. “Por meio da nossa parceria com a ADD – Associação Desportiva para Deficientes, no ano passado 4 jogadores equipe de Basquete em Cadeira de Rodas do Clube foram convocados para os Jogos Paralímpicos no Rio de Janeiro. Além disso, contamos também com recursos provenientes da Lei Pelé, recebidos por meio do Comitê Brasileiro de Clubes – CBC que nos possibilitam realizar ainda mais investimentos”, diz.

Durante a Reatech, a equipe ADD/Magic Hands/Esperia de Basquete em Cadeira de Rodas disputará amistosos para apresentar a modalidade ao público. “Essa é a 15º edição da feira e  a ADD participa desde a 2º edição com o espaço chamado ADD/Sports Arena, área de 800 mts com atividades esportivas e interação com o público. Essa interação é essencial e nos alegra que a Reatech nos ofereça  a oportunidade de mostrar o trabalho desenvolvido pela associação”, comenta a presidente da ADD, Eliane Miada.

A feira também contará com atividades culturais e sociais, como: equoterapia, teste drive de carros adaptados, quadras poliesportivas, seminários, workshops e oficinas com profissionais renomados.

Serviço:

15ª REATECH | Feira Internacional de Tecnologias em Reabilitação, Inclusão e Acessibilidade

Data: 1 º a 4 de junho
Horário: 1º e 2/06, das 13h às 20h, e 3 e 4/06, das 10h às 19h
Local: São Paulo Expo Exhibition & Convention Center
Endereço: Rodovia dos Imigrantes, Km 1,5 – São Paulo – SP – Brasil
Entrada: Gratuita
Transporte gratuito: Rua Nelson Fernandes, 450 – Acesso pelo Terminal Rodoviário Jabaquara

Anúncios

ADD lança livro sobre esportes de aventura para pessoas com deficiência


Olá pessoal!

Compartilhamos com vocês o lançamento do livro “Aventura Adaptada – Um Roteiro Turístico e Cultural” , cujo conteúdo está direcionado a todas as pessoas, principalmente para aquelas com alguma tipo de deficiência. Veja a seguir uma chamada sobre este lançamento:

ADD lança livro sobre esportes de aventura para pessoas com deficiência

 O livro, que conta com o incentivo do Programa de Ação Cultural – ProAC, da Secretaria da Cultura, será distribuído gratuitamente e também ficará disponível para acesso online, a partir de setembro.

deficientes-1

A Associação Desportiva para Deficientes – ADD e a Áurea Editora lançam, em setembro, o livro “Aventura Adaptada – Um Roteiro Turístico e Cultural” com dicas de destinos turísticos acessíveis com opções para a prática de esportes de aventura em meio à natureza. O guia traz 6 sugestões de cidades no estado de São Paulo que oferecem atividades como Escalada, em Bragança Paulista; Trekking, em Atibaia; Paraquedas, em Boituva; Rafting, em Brotas; Paratike, em Caraguatatuba e Tirolesa/Rapel em Socorro.

“Seja qual for o tipo de limitação de uma pessoa, a emoção proporcionada por um salto de paraquedas, por exemplo, é a mesma. Queremos mostrar que é possível enfrentar qualquer aventura com vontade e uma equipe preparada para atender às necessidades específicas de cada um. Espero que, por meio deste livro, possamos incentivar novos adeptos e colaborar para que tenhamos uma sociedade cada vez mais inclusiva”, comenta Eliane Miada, fundadora da ADD.

Em um período de 30 dias, a equipe de produção do guia selecionou alguns aventureiros com deficiência para experimentar cada um dos esportes. A experiência foi a fonte das belíssimas imagens que ilustram o livro e dos depoimentos emocionantes de cada um dos participantes. Além das sugestões de rotas, os leitores também encontrarão dicas de hotéis com apartamentos adaptados e acessibilidade, orientação de trajetos para cada cidade (de carro ou ônibus) e recomendações como tipos de roupas e materiais necessários para a prática de cada atividade.

A edição 01 do livro “Aventura Adaptada – Um Roteiro Turístico e Cultural” terá distribuição gratuita. Estará disponível em bibliotecas públicas e secretarias municipais de cada uma das seis cidades citadas, além da capital paulista e também para acesso online no site:http://aventuraadaptada.aureaeditora.com.br

deficientes-2

Ficha Técnica

Livro: Aventura Adaptada Um Roteiro Turístico e Cultural

Código 10127 PROAC-ICMS

Editor responsável: Dirceu Pereira Junior

Planejamento e Supervisão Geral: Dirceu Pereira Junior

Produção Executiva: Ana Borges

Redação: Ana Borges, Dirceu Pereira Junior e Paulo Kehdi

Revisão: Silvia Bellintani

Revisão Técnica: Sileno Santos

Fotos: Arthur Calasans

Direção de Arte: Marcos Veras

Diagramação e Tratamento das Imagens: Bruno Matos

Controle e Administração: Carla Meire Ferreira, Marlene Mirra, Rosana Gutierrez

Pesquisa de campo: Ana Borges

Produção e logística: Carlos Alberto Souza Bento

Webdesign: Marcos Veras

Programação Web: Hnet Informática


Para mais informações:

Informações à Imprensa:

Ecco Press Comunicação

Renata Garcia Bernardes

Mayara Baptista/Carina Viana

(11) 9 8734-2739/ 9 7994-1285

mayara.baptista@eccopress.com.br

carina.viana@eccopress.com.br

2015! Seja bem vindo!


 Alavanca Social e Instituto Sabedoria

Promovendo Soluções no Terceiro Setor!

Compartilhando informações para você vencer!

natal alavanca

 

Decreto reduz tempo para aposentadoria de pessoas com deficiência


Aposentadoria-especial-para-deficientes

Danilo Macedo e Ivan Richard
Repórteres da Agência Brasil

Brasília –  A presidenta Dilma Rousseff assinou hoje (3) decreto que reduz o tempo de contribuição para a aposentadoria das pessoas com deficiência. Quem tem deficiência considerada grave poderá requerer a aposentadoria a partir de 25 anos de contribuição, para homens, e 20 anos, para mulheres. Atualmente, os prazos são 35 anos e 30 anos, respectivamente.

Em caso de deficiência moderada, o tempo de contribuição será 29 anos, para homens; e 24 anos, para mulheres; e àqueles com deficiência leve, 33 e 28 anos, respectivamente.

A aposentadoria por idade poderá ser requerida aos 60 anos, para homens, e 55 anos, para mulheres, cinco anos a menos do que a idade mínima exigida para a concessão do benefício, desde que seja comprovada a contribuição por pelo menos 15 anos na condição de pessoa com deficiência.

O segurado que quiser solicitar o benefício deve agendar o atendimento pelo número 135, da Previdência Social, que funciona de segunda a sábado das 7h às 22h, no horário de Brasília, ou pelo site www.previdencia.gov.br, no link Agendamento de Atendimento.

Decreto_aposentadoria_pessoas deficientes_1534

Segundo a Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República, o direito do segurado, desde que preencha todos os requisitos, está garantido a partir do dia em que ele fizer o agendamento.

Aos 70 anos, Olegário de Faria Belo trabalhou grande parte da vida como técnico em eletrônica autônomo. Segurado da Previdência Social, ele considera o decreto uma conquista. “A deficiência não é uma doença ou falta de capacidade. A mudança é uma oportunidade que nós, deficientes, estamos tendo, porque a dificuldade que os cadeirantes têm são muitas. Uma conquista muito grande e especial”, disse o técnico, que usa cadeira de rodas para se locomover e participou da cerimônia de assinatura do decreto no Palácio do Planalto.

Vice-presidente do Movimento Habitacional da Pessoa com Deficiência do Distrito Federal (Mohciped-DF), Manoel Maçenes, que também usa cadeira de rodas, avaliou que o decreto dará melhores condições às pessoas com deficiência. “Não é uma ajuda, é um direito, porque a gente vive na dificuldade, no dia a dia. [Esse decreto] é uma dignidade”.

Para a ministra da Secretaria de Direitos Humanos, Maria do Rosário, o Brasil “dá mais um importante passo para a promoção dos direitos humanos e para a diversidade”. “Estamos produzindo um efeito muito importante para o direito ao trabalho [das pessoas com deficiência]”, acrescentou.

Curso de alfabetização para adultos no Lar Anália Franco


laf_logo

Olá pessoal!

O Lar Anália Franco, em parceria com o Rotary Club de Jundiaí, está com inscrições abertas para mais um Curso de Alfabetização de Adultos.

Esta parceria está firmada há mais de dois anos com a professora Isabel – Rotary Ckub Jundiaí – Serra do Japy, que realiza os encontros duas vezes por semana, no horário das 16h30 às 18h00.

 Maiores informações, por favor, peça para me procurar.

Ana Lúcia Bonelli Carolla

Assistente Social

Lar Anália Franco (11) 4521-9577 / (11) 7176-9190

Vejam a seguir um pequeno resumo deste projeto:

ALFABETIZAÇÃO DE ADULTOS — “LAR ANÁLIA FRANCO”

Como no Rotary o mês de março é dedicado à alfabetização, vamos destacar um dos trabalhos que o nosso clube desenvolve na área da Educação e que é voltado para a “Alfabetização de Adultos”. Essa atividade é realizada no
“Lar Anália Franco”, sediado em Jundiaí, tendo como coordenadora desse trabalho voluntário  nossa Companheira Maria Isabel de Freitas Pinho Franco.

Abaixo um breve histórico sobre a instituição:

“O Lar Anália Franco, fundado em 19 de Maio de 1912, é a mais antiga Instituição de apoio à infância de Jundiaí e desenvolve suas atividades desde uma época em que nem se cogitava pensar sobre os Direitos da Criança e do Adolescente . E em 2012 vai completar o Primeiro Centenário da Instituição.

Atende atualmente: 52 crianças ( sendo 21 de dois anos e 31 de três ); e 69 adolescentes de 10 a 14 anos; 17 jovens de 14 a 17 anos, no Projeto “Preparando o Futuro”. Promovendo atividades e ações educativas que visem à inclusão social e a preparação para o mercado de trabalho, bem como o desenvolvimento para a leitura e a escrita como recurso destinado à melhoria do processo educativo, da qualificação profissional e da geração de emprego.

Oferecemos para as famílias curso de informática, projeto de geração de renda para 30 participantes, tendo como objetivo principal o fortalecimento dos vínculos familiares, resgate da auto estima e capacitação para o preparo de trufas, doces e salgados”.

_________________________________________________________________________________________

FAÇA JÁ A SUA INSCRIÇÃO E GARANTA O SEU DIREITO À EDUCAÇÃO!

 

A esperança de Malala (Assine a Petição)


Fonte: http://www.avaaz.org

428,532 assinaram a petição. Ajude-nos a chegar em 500,000

Malala dedicou sua infância para defender a educação de garotas como ela no Paquistão. Enquanto ela se recupera em uma cama de hospital, vítima de atiradores do Talibã, vamos ajudar o seu sonho a se tornar realidade.

Já existe, em uma parte do Paquistão, um programa bem sucedido que dá benefícios para famílias que enviarem suas filhas para a escola com frequência. No entanto, na província da garota Malala, o governo está de braços cruzados. Alguns políticos de cargos altos lhe ofereceram ajuda e se agirmos agora podemos fazer com que eles se comprometam a implementar essa ideia em todo o país.

Antes que a atenção da mídia se volte para outro caso, vamos elevar nossas vozes e exigir que o governo do Paquistão anuncie medidas de auxílio financeiro para todas as garotas paquistanesas irem à escola. Em alguns dias, o enviado da ONU para educação se encontrará com o presidente paquistanês Asif Ali Zardari e disse que a entrega em mãos de 1 milhão de assinaturas pode dar força à sua presença. Assine a petição e compartilhe com todos – vamos ajudar a tornar o sonho da garota Malala realidade.

(Veja a seguir a mensagem enviada ao Presidente do Paquistão)

Para o Presidente do Paquistão Asif Ali Zardari; Primeiro-ministro Raja Pervez Ashraf; e Governador da Província de Khyber-Pakhtunkhwa Syed Masood Kausar:

“Pedimos que o Paquistão se comprometa com um plano para fornecer educação para todas as crianças por meio da construção de escolas, treinamento de professores e financiamento para famílias com meninas visando a participação frequente delas na escola. Todos os governos e organizações internacionais devem ter um papel ativo para garantir que milhões de crianças atualmente fora da escola tenham acesso à educação.”

http://www.avaaz.org/po/malalahopenew/?bbHxCdb&v=18823

6º EnconFrater – Encontro Fraternidade e Pessoas com Deficiência


O Projeto Igreja Acessível para todos é o tema do 6º encontro fraternidade e pessoas com deficiência, que será no dia 29 de setembro de 2012 as 9h00 no Colégio Espírito Santo, em São Paulo na região do Tatuapé. Este encontro tem como objetivo, mostrar idéias e estratégias que podem ser colocadas em praticas para, melhoria da estruturas tanto física como uma comunicação adequada a necessidades de todos.

6º EnconFrater – Encontro Fraternidade e Pessoas com Deficiência

Data: 29 de Setembro de 2012

Horário: A partir das 9 h

Local: Colégio Espírito Santo

End.: Rua Tuiuti, 1442, próximo ao Metrô Tatuapé, ao lado do Shopping Boulevard

28 de agosto – Dia Nacional do Voluntariado


Postado por Marcelo Rachid de Paula

Dia Nacional do Voluntariado!

Considero esta data muito especial para o Brasil, por ser um dia onde se comemoram todo tipo de ação solidária, principalmente aquelas que são realizadas com amor e desprendimento, transformando o meio onde esta se desenvolvendo, sempre para suprir alguma necessidade das comunidades de uma forma geral.

Não importa se trata-se de uma grande ou pequena, a ação voluntária provoca as mais diversas reações nas pessoas, sempre as mais positivas, pois aquele que doa o seu tempo se fortalece interiormente, recebe todas as forças e energias para aquela ação, enquanto que aquele que as recebe, tem sua esperança renovada de que existem soluções para seus problemas e necessidades. Não importa se trata-se do voluntariado comunitário e social, se empresarial, em instituições e ensino e até mesmo no poder público, todos são igualmente importantes e provocam transformações surpreendentes nas pessoas e nas coisas, e por se tratar de uma doação do indivíduo, com certeza acaba sendo realizada de forma verdadeira e especial.

Atuo como voluntário desde a década de 80 e posso dizer que esta prática foi uma escola maravilhosa para mim em todos os sentidos, pois me proporcionou a possibilidade de compartilhar os meus conhecimentos e experiências em causas e momentos importantes para a vida das pessoas envolvidas, além de ampliar esse conhecimento em mim de uma forma muito benéfica. Vi, vivi e observei diversas situações que me deixaram tristes por um momento, tal o estado de carência do ser humano, mas que depois da ação de pessoas abnegadas e direcionadas num só objetivo, modificou o contexto de uma forma muito significativa, possibilitando que as pessoas pudessem se reanimar e adquirir a confiança e a força para retomar a jornada. Foram momentos marcantes para mim e acredito que para todos os que participaram destas campanhas.

A presença do voluntário é de fundamental importância em Organizações Sociais, pois a grande maioria não tem recursos suficientes para contratar pessoas para as práticas internas e externas, estando esta pessoa preenchendo uma lacuna, muitas vezes de fundamental importância para a organização, sem ônus para seu planejamento financeiro, que podem ser direcionados para seus projetos. Conheço diversas organizações que sobreviveram e sobrevivem graças à presença das ações voluntárias e realizam um trabalho organizado, maravilhoso e bem gerido através de pessoas e estrutura para esta finalidade de uma forma positiva, onde todos se sentem bem por fazer parte dela.

Observando o voluntariado no mundo, sempre destaco o modelo Canadense como um dos mais eficientes e eficazes, e que, pela sua organização, leis e união de todas as áreas da sociedade, faz que esta atividade  seja de fundamental importância, não somente onde estão inseridos, mas colaborando para o crescimento do país, representando cerca de 2% do PIB nacional. Outro fator relevante, trata-se do voluntariado em eventos esportivos e um modelo bem recente (Olimpíadas de Londres) demonstrou isso com o alto grau de preparação e desprendimento de todos os envolvidos de uma maneira brilhante e significativa.  Sem eles os jogos não aconteceriam da forma como todo o mundo presenciou.

No Brasil, 30.000 pessoas já se cadastraram para serem voluntários na Copa do Mundo em 2014 e isto é somente uma amostra da importância destas pessoas abnegadas que produzem um efeito positivo  em todas as sociedades.

Enfim, o voluntariado é transformação, é desprendimento, é doação, é ação contínua em favor do outro, é geração de riquezas e solidariedade pura em ação, modificando os cenários e possibilitando a crescimento contínuo, e o mais importante: de forma gratuita e com muito amor.

Poderia ficar falando do voluntariado por dias e não esgotaria este assunto, pois sei da importância nos meios onde estão inseridos, mas deixo aqui a minha opinião e palavras para reflexão de todos, na certeza de que somos capazes de doar e melhorar o meio onde vivemos. Todos, sem exceção, podem se tornar parte desta família.

Um ótimo dia do VOLUNTARIADO para TODOS!