Abuso sexual Infantojuvenil – Disque 100


“Quebre esse silêncio e ajude quem é vítima de abuso sexual infantojuvenil.

Seja voz daqueles que não podem falar.”

Disque 100

(www.sedh.gov.br) – Criado para receber denúncias de exploração sexual contra crianças e adolescentes, o disque-denúncia acaba recebendo também denúncias de outros tipos de violência e até de crianças desaparecidas. As denúncias são encaminhadas aos órgãos competentes em até 24 horas. O serviço funciona das 8h às 22h, inclusive finais de semana e feriados. Como o próprio nome já diz, é só digitar 100 no seu telefone.

A chamada é gratuita.

FAÇA A SUA PARTE E MODIFIQUE O MEIO QUE VOCÊ VIVE!

11ª Edição do Projeto Jovens Profissionais – Inscrições Abertas


Inscrições para participar da 11ª edição do projeto Jovens Profissionais vão até 28 de fevereiro

Posted by Vanderlei Abreu on fevereiro 4, 2011

Fonte: http://maisrh.wordpress.com

Encontrar um emprego na área de atuação é uma das grandes dificuldades que estudantes e recém-formados enfrentam. Uma pesquisa realizada pelo Ministério da Educação (MEC) revela que, apenas em 2008, 5.843.322 pessoas se matricularam em cursos superiores, porém nem sempre há vagas de emprego suficientes para os alunos que concluem o curso. O Jovens Profissionais, que neste ano chega a sua 11ª edição, é um programa social que contribui para a inclusão dos mesmos no mercado de trabalho, gratuitamente.
As inscrições para participar do Jovens Profissionais de 2011 se encerram no dia 28 de fevereiro e são realizadas pelo site http://www.jovensprofissionais.com.br/, em que também é possível encontrar informações sobre as diferentes categorias (design de interiores, artes, paisagismo, patrimônio e memória) voltadas à profissionais, e a categoria estudante. Os interessados devem enviar o portfólio, contendo fotos e desenhos dos trabalhos desenvolvidos de acordo com o regulamento de cada categoria.
O Jovens Profissionais impulsiona estudantes e graduados para o início de sua atuação profissional, já que, além da publicação no site, distribui o currículo para 10 mil clientes potenciais. O processo de seleção consiste em várias etapas, todas gratuitas aos participantes, e vai desde a análise do portfólio por um renomado  júri, até a montagem de uma instalação nas áreas comuns ou no  interior das lojas do Shopping Lar Center, em São Paulo.
Os ambientes dos  profissionais e estudantes selecionados serão fotografados e passarão a integrar a publicação Jovens Profissionais 2011, com tiragem de 10 mil  exemplares distribuídos gratuitamente para lojistas, consumidores,  profissionais da área e empreendimentos imobiliários. Ao final, os vencedores recebem um certificado de participação. Participar desde projeto é uma experiência única, mesmo para aqueles que não atingem as etapas finais, pois têm a oportunidade de demonstrar na prática com o aval dos melhores profissionais do mercado, o seu potencial.
O projeto Jovens Profissionais é realizado pela Demais Editora e tem  patrocínio exclusivo do Shopping Lar Center.

Lixo Extraordinário


Arte produzida a partir do lixo vira documentário e concorre ao Oscar

Fonte: http://www.responsabilidadesocial.com

Divulgação
Lixo Extraordinário mostra obras de arte de Vik Muniz, feitas com material reciclável

 

A produção de obras de arte a partir da utilização de material reciclável foi transformada em documentário e está na lista dos cinco concorrentes ao Oscar. Trata-se de ‘Lixo Extraordinário’, filme que retrata a trajetória do lixo depositado no Jardim Gramacho, maior aterro sanitário da América Latina, localizado em Duque de Caxias, no Rio de Janeiro, até ser transformado em arte pelas mãos do artista plástico Vik Muniz.

O filme é uma coprodução entre Brasil e Reino Unido e teve início quando Muniz foi ao aterro conhecer melhor a realidade dos milhares de catadores que trabalham ali e, ainda, fazer uma proposta de trabalho a eles: produzir uma série de obras de arte com o lixo coletado no local.

Gravada ao longo de dois anos, a produção além de mostrar a realidade do local, conta com a participação dos catadores como personagens e ajudantes de Vik na produção das peças. Para se ter uma ideia, um dos trabalhos produzidos durante o projeto, que recebeu o nome de “Retratos do Lixo”, chegou a ser leiloado em Londres e toda a verba arrecadada com a venda foi destinada a uma cooperativa de lixo que os próprios catadores criaram dentro do aterro.

O paulista Vik Muniz é conhecido por produzir fotografias que reproduzem imagens artísticas usando materiais inusitados como açúcar, chocolate, lixo, diamantes, poeira e outros. Seu trabalho pôde ser visto recentemente na TV na abertura da novela “Passione”. Segundo ele, parece um sonho a indicação ao Oscar, anunciada no dia 25 de janeiro. A premiação da academia será no próximo dia 27, no Teatro Kodak, em Los Angeles, e será transmitida ao vivo para mais de 200 países.

Dirigido pela inglesa Lucy Walker e os brasileiros João Jardim e Karen Harley, o documentário disputa o Oscar da categoria com “Exit through the gift shop”, do artista plástico Banksy; “GasLand”, de Josh Fox; “Trabalho interno”, de Charles Ferguson; e “Restrepo”, de Tim Hetherington e Sebastian Junger. ‘Lixo Extraordinário’ é apontado como o mais forte. A produção já recebeu premiações importantes como prêmios de público nos festivais de Sundance e Berlim em 2010.

Em comunicado divulgado por sua assessoria de imprensa, Jardim comemorou a indicação afirmando que “a mistura do olhar estrangeiro com o olhar brasileiro deu força para o filme”. Para a codiretora Karen Harley, “a indicação ao Oscar dará mais visibilidade à causa dos catadores” e vem “na hora certa já que o aterro de Jardim Gramacho [retratado no filme] será fechado em 2012”.

Ficha Técnica
Título no Brasil
: Lixo Extraordinário
Título Original: Waste Land
Ano de Lançamento: 2010
Diretor: Karen Harley | João Jardim | Lucy Walker
Categoria: Documentário
Origem: Brasil | Reino Unido
Duração: 90 minutos.

Cynthia Ribeiro

Organização Xingú Vivo para Sempre – Usina Belo Monte


A história se repete.

Os governantes, a fim de interesses pessoais e de poucos, está promovendo o que podemos dizer de devastação e dilaceração de áreas e reservas importantíssimas na região do Amazonas sob o pretexto de levar energia e progresso para aquela região e todo o norte e nordeste do Brasil, além da capacidade de exportar para países vizinhos.

(Vídeo produzido pela Organização Xingú Vivo para Sempre)

Não é possível que, com tantos exemplos e acontecimentos pelo mundo de situações semelhantes que devastaram diversas e grandes áreas ambientais causando a destruição da vida e diversidade ecológica, continuam a cometer os mesmos erros. Não imaginam, ou fingem não ver uma realidade perturbadora para todos os habitantes do planeta, pois o complexo de rios do Amazonas e toda sua diversidade, representa hoje 1/5 do manancial de água doce de todo o mundo, ajudando na geração, manutenção e equilíbrio da vida necessária para todos.

(Vídeo produzido pela Organização Xingú Vivo para Sempre)

Os estragos causados por esta obra serão imensos, diversas espécies correm o risco de desaparecer, além de sérios problemas para todos os que vivem dos recursos daquela região. O governo, a pretexto de levar progresso e bem estar, está se esquecendo dos impactos negativos que provocará inicialmente em toda aquela região e obviamente a todas as nações do mundo, pois trata-se de uma das áreas de equilíbrio ambiental do planeta.

Existem pelo mundo, magníficos exemplos e modelos de geração de energia, sem destruir a natureza ou com impactos tão devastadores como este de Belo Monte.  O governo insiste nesta obra apesar dos protestos em diversas partes do país, estando atualmente tramitando nos tribunais e áreas judiciárias, diversos processos e liminares para conter o ímpeto ganancioso de uma parte da nação.

Por isso, cada um pode fazer sua parte, mesmo que mínima, para impedir um erro que vai afetar principalmente as nossas gerações futuras.  Quem viver verá!

Caso você tenha a intenção de colaborar com sua assinatura na petição (será explicado nos vídeos) clique aqui para ter acesso à página da petição

 

 

 

VOCÊ ACREDITA QUE PODE FAZER A DIFERENÇA?

PENSE NISSO!